Renascimento

AS PRÁTICAS DE REBIRTHING / RENASCIMENTO
acontecem em atendimentos individuais ou como parte de grupos, cursos e formações

O Renascimento é uma técnica relativamente simples, mas com extraordinários efeitos sobre a saúde e a qualidade de vida.

O Psiquiatra José Angelo Gaiarsa declarou:
Em 50 anos de vida profissional, com inúmeras buscas e experiências, o renascimento me parece a melhor tentativa
para resolver problemas emocionais de qualquer natureza. Sua prática frequente vai estimulando um processo contínuo de mudança, bastante semelhante ao de uma psicoterapia bem dirigida e bem sucedida.

O Renascimento utiliza uma combinação de respiração circular conectada, relaxamento e música evocativa, que libera na corrente sanguínea uma substância endógena(que existe no próprio organismo), que facilita a visualização e insights que com o direcionamento do terapeuta podem intensificar o processo de autoconhecimento e fortalecimento pessoal

O Renascimento foi desenvolvido cientificamente em meados da década de 70, na Califórnia, EUA, por Leonard Orr.

Recuperar a liberdade respiratória significa, em última análise, recuperar o contato com o ser original, com a essência do Ser Interior. A partir da liberação de uma série de bloqueios emocionais, através de uma autêntica limpeza psíquica, experiências de um nível mais profundo, ligadas ao espaço espiritual, tornam-se acessíveis ao indivíduo, que nesta técnica encontratambém uma ponte entre a sua própria
realidade e a realidade maior, universal. Podemos dizer que é uma chave para a plenitude do aqui e agora.

É uma experiência muito eficaz de superação de stress, tensão, angústia e ansiedade. As pessoas também relatam frequentemente a superação de inibições, mêdos, ressentimentos, estados de apatia e depressão, além da superação de traumas, bloqueios emocionais e mesmo distúrbios psicossomáticos como asma, bronquite, úlceras, obesidade, enxaqueca e outros. Todos que a experienciam concordam que é uma experiência de grande autoconhecimento e expansão da Consciência, que possibilita um maior equilíbrio interno e autodomínio, trazendo inclusive insights sobre a solução de conflitos e problemas pessoais e de relacionamento.

As pessoas também declaram que após uma série de experiências de renascimento superaram em grande parte a rigidez afetiva e observaram a redução de conflitos a nível afetivo e interpessoal. Utilizo-a no atendimento individual e em grupo desde 1988 com algumas milhares de pessoas e os resultados são excelentes.

BENEFÍCIOS DO RENASCIMENTO

Artigo de Leonard Orr, o criador do Renascimento

No final de um workshop de Renascimento as pessoas costumam dizer que estão se sentindo revitalizadas, reenergizadas e mesmo rejuvenescidas, com a disposição renovada e que se sentem mais criativas, mais intuitivas, muito mais relaxadas, espontâneas e alegres, mais em contato com o seu próprio ser.

As pessoas nos contam que o renascimento é a maior experiência que tiveram desde que nasceram. Nós constantemente ouvimos comentários como este: “Toda a experiência de crescimento prometia mais do que dava com exceção do renascimento, que proporcionou muito mais do que prometeu”.

Uma coisa que entusiasma é a cura natural que experimentaram no renascimento.
Temos observado que muitas doenças são resultado dos sintomas  do trauma de nascimento, a cerca das quais sistemas de crença médica tem sido construídos; a maioria das doenças são na verdade curas em processo. A doença é o corpo manifestado em pensamentos da mente; e para que a doença deixe de se manifestar os pensamentos mente também devem ser mudados.

Quando a mensagem que o corpo está revelando é compreendida, a doença as vezes desaparece espontaneamente. Algumas das condições físicas que tem desaparecido espontaneamente através do renascimento são colite ulcerativa, resfriado, dores nas costas, visão fraca, enxaquecas, sinusite, artrite, epilepsia, dermatite, acnes e psoríase, e tensão crônica nas pernas e no corpo.

O propósito do renascimento não é curar; a cura é as vezes um sub-produto valioso que frequentemente acontece. Nós não assumimos nenhuma responsabilidade pelo tratamento de quaisquer condições, físicas ou psicológicas. Recomendamos àqueles que tenham uma condição com a qual estejam preocupados a ficarem em constante comunicação com seus médicos. O renascimento não é um tratamento e  nenhuma afirmação é feita quanto a sua habilidade de curar sintomas ou doenças reversas.

O propósito do renascimento é familiarizar as pessoas com uma dimensão de energia espiritual que elas talvez nunca tenham experimentado. Quando as pessoas estão experimentando este processo, elas são capazes de conectar suas doenças ou dores com o pensamento negativo original por trás delas, através do qual foram criadas, e assim assumirem responsabilidade total por causá-las. Algumas pessoas são capazes de livrar-se completamente da condição de doente instantaneamente durante o renascimento.

Eu, Leonard Orr, penso que  a  doença é literalmente jogada para fora do corpo com a respiração. Outras pessoas livram-se dela gradualmente durante as semanas seguintes ao renascimento utilizando afirmações e seu modo de respiração recém-alterado. Parece que, como os iogues têm falado há séculos, a respiração é o purificador do corpo. Qualquer pessoa que desenvolva sua respiração e melhore a qualidade dos seus pensamentos experimenta uma transformação positiva.

Eu,  (Leonard Orr) pessoalmente  eliminei uma dor física que havia persistido por quinze anos.Eu havia tentado livrar-me dela de toda a forma possível, no entanto nada funcionou.Duas semanas após ter começado a receber renascimento, fui capaz de livrar-me dessa dor permanente. Além disso, livrei-me de todos os tipos de problemas psicológicos.Dando renascimento a outras pessoas, temos visto problemas sendo resolvidos tais como claustrofobia, insônia, medo de danos, medo de ficar preso em relacionamentos, desordens e medos sexuais, raiva gratuita, desconfiança crônica e medo e ansiedade em geral, para nomear apenas alguns. O renascimento não trata dessas condições mas parece fornecer um médium espiritual por meio do qual elas podem ser compreendidas, tratadas e liberadas.

Queremos deixar claro, entretanto, que o trauma do nascimento não é responsável por tudo. De uma certa forma, o trauma do nascimento é altamente superestimado, embora seja frequentemente responsável por doenças terminais e enfermidades comuns que atormentam as pessoas durante a vida toda. Inclusive,  a danificação do mecanismo respiratório pode ser o resultado mais prejudicial à felicidade humana.

Assim o trauma do nascimento permeia tudo e nos domina até ficarmos livres e depois ficamos querendo saber porque demos tanta importância a ele. Esse paradoxo é uma tragédia para a gratidão, mas um benefício para a benção e a realização. É bom ser grato mas mais cedo ou mais tarde temos que continuar o processo de viver. O primeiro passo é tirar o trauma do nascimento de sua prisão abafada no subconsciente do indivíduo; segundo, fazer o trabalho de cura do  dano que ele causa à mente do indivíduo. E o terceiro passo é tornar-se tão desapegado ao processo de cura quanto ao trauma e continuar vivendo com sucesso.

Há outros benefícios gerais que todos que completam renascimento recebem.
Um dos mais importantes é a habilidade para receber amor e ter experiência direta de deixá-lo entrar. Durante o renascimento você é fisicamente capaz de sentir a diferença entre resistir ao amor e deixá-lo fluir interiormente, e o toque não é necessário para obter essa experiência. Como resultado, as pessoas começam a experimentar cada vez mais bençãos em suas vidas diárias sem trabalhar nisso, e o corpo físico torna-se um lugar prazeiroso para se estar.

Quando as dores e as tensões desaparecem para sempre, até mesmo o simples caminhar pode tornar-se orgásmico. Um outro benefício é o aumento da consciência psíquica. As pessoas renascidas tem cada vez mais experiências de telepatia e conhecimento intuitivo, que torna a vida cada vez mais divertida, mais interessante e com menos esforço.

Além de um corpo mais saudável, mais relaxado, as pessoas experimentam muito mais energia física e menos necessidades de dormir. A energia anteriormente usada para manter o trauma do nascimento abafado é liberada e fica disponível para outras coisas melhores. Como resultado, as pessoas renascidas tornam-se mais bonitas, saudáveis. Uma propensão para a juventude ocorre também como um desejo pela imortalidade física. Depois de alguém ter uma liberação respiratória, a habilidade para respirar livremente e desinibidamente torna-se natural. Isso, obviamente, leva a menos esforço quando trabalhando; e por isso trabalhar torna-se mais como brincar,  especialmente quando as pessoas fazem a coisa que amam como carreira. ( Tenho notado que as pessoas que completam o renascimento não toleram fazer um trabalho que não gostam.

Como elas sabem que o universo as ama e elas podem confiar nele, elas não tem nenhum receio em abandonar um emprego e começar alguma coisa pela qual tenham uma afinidade maior ).O renascimento também desenvolve a prosperidade naturalmente, porque as pessoas são capazes de livrar-se da idéia:”Não há suficiente”, que começou quando o bebê, engasgando no fluido amniótico, conclui histericamente:”Não há ar suficiente”. Isso mais tarde se traduz por:”Não há amor suficiente”, “Não há dinheiro suficiente”, etc. Se um bebê não recebeu leite materno que queria ou se não recebeu o suficiente, isso pode ter sido composto mais tarde.

Outra razão pela qual o trabalho torna-se mais divertido  e resulta em mais prosperidade é que a habilidade criativa é reforçada pelo renascimento. Isso ocorre porque sua conexão pessoal com o Ser e Inteligência Infinita é restaurada através da liberação da respiração. Essa conexão com a Inteligência Infinita lhe dá habilidade para entender seus próprios padrões, para ver a verdade sobre as suas próprias dependências, bloqueios e condições negativas e assim saber mais como esclarecê-los. Um dos aspectos mais importantes é entrar em contato com a sua lei pessoal. Esse é o seu fator mais dominante e negativo de consciência formado no seu nascimento, no qual a maioria da sua auto-anulação foi construída. É realmente a chave de solucionar seus padrões negativos.

Estatisticamente, o renascimento é mais seguro do que  muitos tipos de terapias ou mesmo as escolas públicas. É geralmente possível sair do renascimento num perpétuo estado de saúde e benção, mas o caminho pode às vezes ser um pouco rochoso. No todo, entretanto, o renascimento é a técnica mais rápida e efetiva a uma consciência mais elevada que temos experimentado. Se as pessoas vivenciam seus nascimentos no renascimento, elas podem continuar revivenciando vários períodos da infância que são feitos de sentimentos de impotência e desesperança. Esses períodos podem durar semanas e às vezes são acompanhados por sintomas que serão discutidos posteriormente. Os exercícios que também serão discutidos mais tarde têm uma tendência a dissolver traumas de  infância da maneira mais fácil.

Genuínas  experiências espirituais podem causar tanto a doença quanto a cura.
Causas e curas de sintomas específicos já existem na personalidade, e a energia espiritual ativa e libera a pessoa desses relacionamentos de causa e efeito. A pura vivacidade sempre transcende a roda do Karma e produz uma maior liberdade pessoal. O renascimento no final eleva a sua auto-estima a um nível muito alto. E quando isso acontece, todas as áreas de sua vida são afetadas. Os relacionamentos com os pais e os companheiros frequentemente mudam, drasticamente, para melhor. Uma das experiências mais gratificantes que eu já tive envolvia uma mulher que havia sido renascida diversas vezes e trouxe a mãe da Europa para fazer o renascimento com ela. A mãe não falava inglês, mas isso não importava. O renascimento foi perfeito. A filha embalou a mãe que soluçava em seus braços e a mãe passou para o “outro lado”. Eu chorei de alegria durante essa experiência.

Leonard Orr, o criador do Renascimento

PERGUNTAS FREQUENTES:

COMO FUNCIONA O RENASCIMENTO?

O Renascimento utiliza uma combinação de respiração circular conectada, relaxamento e música evocativa,
que libera na corrente sanguínea uma substância endógena
(que existe no próprio organismo), que facilita a visualização e insights que podem intensificar o processo de autoconhecimento, e o terapeuta experimentado conduz o processo nesta direção, da qual falaremos a seguir.

O RENASCIMENTO TEM CONTRAINDICAÇÕES?

O Renascimento não tem contraindicações absolutas,
mas recomenda-se especial cuidado com alguns tipos de complicações. Existe algumas variações na forma de ver este tema.
Muitos renascedores recomendam especial cuidado com pessoas  que tiveram problemas cardíacos graves ou cirurgias recentemente, que usem marcapasso, com pessoas que tiveram intoxicação recentemente,  ou problemas graves nos rins, assim como os que tiveram ou tendências ou idéias suicidas, abuso de drogas ou alguma forma de psicose.  Neste caso as pessoas devem informar ao terapeuta, quando este colhe as informações de saúde, no início dos trabalhos, para que saiba se pode dar conta do que possa vir a tona. É aí que ganha importância o terapeuta ser bem qualificado para utilizar uma técnica como esta.

O RENASCIMENTO É SEGURO?
Sim, é quanto mais seguro,  quanto mais o Terapeuta tenha uma sólida formação, tanto em Rebirthing/Renascimento, quanto em outros conhecimentos e técnicas psicológicas, quando estudaram as diversas formas de diagnosticar e lidar com os diferentes distúrbios e estados de consciência.

Com esta preparação, que o prepara para lidar com praticamente todas as reações que possam vir daí.
É orientado para resgatar a pessoa com segurança de diversos estados limitantes, para o que é preciso confiança e entrega do cliente.

Para aumentar esta segurança costuma fazer um questionário de cerca de 20 perguntas antes da aplicação da técnica avaliando através destas informações se a técnica é adequada para cada pessoa. Colhe expectativas e avalia as atitudes das pessoas pelo menos por algumas horas de interação com o grupo.

REAÇÕES ESTRANHAS

Algumas pessoas experimentam, durante a aplicação da técnica, com a hiperventilação,  por alguns minutos, desconfortos, reações viscerais, sensação de paralisação do corpo e até algumas dores,   alcalose respiratória, parestesias, que alguns chamam de formigamento. Não devem causar preocupações. São naturais. Mostram a somatização de alguns elementos que poderão ser avaliadas pelo terapeuta.
Podem ocorrer catarse de emoções de medo, raiva, tristeza, tensões, ansiedade, angústia, que passam, após alguns minutos, podendo varias entre momentos agradáveis e desagradáveis. Para uma pessoa que olha de fora e não está habituada à expressão de emoções, isto pode parecer um tanto estranho ou difícil de compreender, mas não há nada de insalubre nisto, pelo contrário, expressar as emoções harmoniza o sistema.
O Renascimento, companhado por um terapeuta competentes torna-se uma técnica com muitos benefícios para a saúde.
Não há a menor chance desta experiência causar dano ou produzir, uma neurose ou psicose. Mas uma vez que a pessoa sofra de uma destas condições, a técnica tende a trazer à tona, para que seja tratado. Podemos fazer uma analogia com uma cárie que vai destruindo o dente aos poucos, e o dentista descobre e abre a cárie escondida. Não foi o dentista que causou a cárie, mas ao examinar mais a fundo descobre a condição desarmônica e assim tem a oportunidade de tratá-la.

No Renascimento e outra técnicas pode acontecer o mesmo.
O cuidado que deve se ter é buscar tratamento com terapeutas realmente qualificados.

REAÇÕES DAS PESSOAS A EXPRESSÃO DE OUTRAS PESSOAS

Algumas pessoas podem ficar desconfortáveis nas experiências em grupo com as expressões de diversos estados emocionais, porque os resultados imediatos do renascimento podem parecer ameaçadores para quem o faz da primeira vez e não estão habituadas a reações emocionais intensas.
Algumas pessoas podem ficar assustadas com a expressão intensa de emoções por parte de outros participantes de uma experiência de renascimento em grupo, por não estarem acostumadas e darem a ela uma interpretação negativa.
Muitos expressam-se através do pranto ou riso sem razão aparente, trazendo a tona camadas de emoções e traumas conscientes ou  inconscientes, tanto agradáveis, quanto desagradáveis. No entanto, cada emoção tem uma função importante na estrutura psíquica da pessoa e todas devem ser levadas em conta. Expressar as emoções reprimidas harmoniza o sistema.

Estas camadas tem a ver com memórias acumuladas através dos anos.  É quando vem a tona muitas sensações ligadas à sua memória celular, traumas vividos, inclusive provindas  do trauma do nascimento, mas que também podem ser  derivadas da história de vida dos ancestrais.

Não há como evitar algumas reações assim, pois fazem parte do processo de limpeza e cura e aparecem em muitas técnicas terapêuticas. Mas todas estas reações são temporárias e voltam ao normal em no máximo uma a duas  horas, até porque são acompanhados pelo terapeuta/rebirther.

Quando se faz um trabalho em grupo com esta técnica,  pede-se que o cliente levante a mão e aguarde a orientação dos renascedores, que são treinados com recursos suficientes para encaminhar bem todas estas situações. Algumas pessoas, depois de algum tempo vão tendo experiências cada vez mais sutis e refinadas que cada vez mais expressam serenidade e bem estar.

Estas reações parecem ser estimuladas pela nova liberdade interna e passam até o final da técnica.
O efeito do Renascimento reduz o diálogo interno perturbador e a síndrome do pensamento acelerado e facilita um estado de meditação e paz interior. Mas conduzem a uma sensação de bem estar, o que eventualmente nivela-se em benção.

USA-SE SUBSTÂNCIAS EXTERNAS?

Não se usa nenhuma substância externa que altere o sistema nervoso, mas neurofisiológicamente costuma ser liberada na corrente sanguínea uma substância é encontrada em maior concentração na natureza, em muitas plantas medicinais.
Trata-se da  dimetiltriptamina(DMT) endógena, uma substância que existe no cérebro é liberada em pequenas doses seguras na corrente sanguínea pelo processo do Renascimento.
O Psiquiatra Stanislav Grof em suas pesquisas aplicou esta substância a mais de 15 mil pessoas, mas gradativamente percebeu que o trabalho da hiperventilação, integrado com música evocativa produz efeitos muito semelhantes no corpo e na consciência.

Em trabalhos de imersão, intensivos, por alguns dias,  o mesmo em trabalhos de algumas horas, é  de grande importância que as pessoas permaneçam sempre juntas ao grupo, sob orientação e cuidado dos terapeutas e que combinem isto com antecedência, em ambiente que possam ser atendidas pelos mesmos, enquanto também dão atenção ao grupo, pois é onde se forma um campo de energia consciencial, uma egrégora, que eleva a frequência vibratória, pois no início dos trabalhos se busca uma conexão com uma Força Maior.

Ao se afastar do local de reunião, a pessoa não conta com a mesma condição de segurança e cuidado que há neste campo de energia grupal, porque o terapeuta precisa dar atenção a todo o grupo que passa pelo processo. É costume fazer  uma harmonização e alinhamento espiritual no início e final do trabalho.

É importante que o cliente confie no terapeuta, que opte por fazer o trabalho voluntariamente ou não permitirá ser cuidado, pois caso não haja esta confiança, melhor que não se submeta à técnica, pois há uma série de procedimentos e cuidados que muitas pessoas podem não ter conhecimento, mas os renascedores passam por muitos treinamentos que os qualificam a cuidar bem dos seus clientes, geralmente tem formações em outras técnicas curativas complementares para casos específicos, podendo tomar os cuidados adequados na maior parte do que possa vir a tona.

Como o renascimento limpa toxinas físicas e emocionais  o dano feito pelo trauma do nascimento parece irrelevante.
É surpreendente que quando você tem um problema, ele predomina e espalha-se por tudo; mas quando ele se vai, é impossível lembrar-se do peso dele.

 

Dr. Deroni Sabbi

DERONÍ SABBI
Psicólogo Pós Graduado em Psicologia Transpessoal ( Unipaz ) .
Estudioso das Tradições de Sabedoria Ocidental e Oriental.

Tem cinco formações internacionais em Renascimento ( Rebirthing ), com Leonard Or(EUA) que desenvolveu a técnica, Samwara Bodewig(Alemanha), na Humaniversity (India), com José Angelo Gaiarsa e com Roberto Shinyashiki, todas entre 1988 e 1998. Também fez  Respiração Holotrópica, técnica que tem algumas semelhanças e foi criada por Stanislav Grof(EUA).

Master Coach, Diretor do Instituto Sabbi Desenvolvimento do Potencial Humano.   Trainer em PNL pela Universidade da Califórnia(EUA) e em PNL e Neurossemântica pela International Society of Neuro-Semantics. Ministra Practitioner em PNL desde 1992. Diversas Formações Internacioanais em Coaching, Educação Emocional, Hipnose, Terapia da Linha do Tempo, Dinâmica de Grupo, e Jogos de Empresa e Aprendizado Acelerado e outras. Autor  e coautor de diversas obras das Obras sobre Desenvolvimento humano. Mais de 2000 palestras ministradas.
Veja currículo mais completo clicando aqui

 

Mais informações:
(51) 3029 1430 – 3061 2295 | (51) 98129 5544 (whatsapp) |  atendimento@sabbi.com.br